quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

Valentia

caipira
Lá na venda do Mané, um caipira conta pro pessoal:

- Precisava di vê como escapei por pouco duma baita onça outro dia...

-Num diga...

-De repente, topei com a fera e carquei o gatilho da minha cartuchera! Mas, nada... A danada faiô. Aí carquei de novo e faiô outra veiz. Aí, sai correndo e subi em cima duma árvre! Mas a onça escalou os gaio, doida pra botá as pata ni mim. Sorte a minha que a fera escorrego da árvre e caiu!

-Nossa, cumpadre... Que valentia ! Se fosse comigo, tinha me borrado todinho ! - diz alguém.

E o caipira:
-E no que o cumpadre acha que a onça escorrego ?

segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

Na casa do Colono tem

Colono, Roça  , Porão, Salame, Vida de Colono, Vida na Roça, Cusco, Casa,  Parentes,
Ø tem coltrina ao invés de porta

Ø tem um pijáme bom pra no causo de baxá hospital e uma ropa bonita pra ir na missa

Ø tem umas perna de salame dependurado no porão

Ø tem o calendário 'Santo Antônio' na parede da sala

Ø tem uma mesa comprida, com gaveta e o baralho ensebado drento

Ø tem o canivete em forma de foice pro fumo

Ø tem umas lata no alto do balcão da cozinha com farinha, arroiz, erva, açucre... aquelas que os nêne sentam em cima pra fica no tamanho da mesa

Ø tem roupa secando no tampo e nos ferrinho do fogão à lenha, aceso o ano inteiro e com a chaleira que nunca sai de cima

Ø tem um saco de ráfia pendurado, com um monte de otros saco de ráfia drento

Ø tem patente ou tem banheiro, mas é do lado de fora

Ø tem os remédio pra berne e sarna dos bicho em cima da geladera

Ø tem uns pé de bergamota, lima ou laranja do céu do lado da casa, onde q os cusco ficam deitado o dia inteiro!!!

Ø tem umas par de garrafa de refri 2L com vinho ou cachaça drento, umas de butiá, otras de mato q faz bem pros rim

Ø tem a varinha atrás da porta pra tocá os gato pra fora

Ø tem telefone com antena externa e uma bateria de caminhão

Ø tem um sabugo de milho enrolado com um pano pra tranca a água do tanque

Ø tem compota e as chimia de tudo os tipo em cima do balcão

Ø tem meia dúzia de galinha ponhedera solta no pátio que vão virar brodo qualquer dia

Ø tem as toalhas de mesa floreadas pra usar quando vem os parentes ou as visita

Ø tem aquele fusca 75 estacionado na garagem

Ø tem casca de laranja pendurada atrás do fogão a lenha pra faze cha

Ø tem pedaço de xinela havaiana pra fazer a porta para de bater

Ø tem batata doce e amendoim assando no fogão a lenha

Ø tem pôster do Grêmio campeão em 1996

Ø tem ratoeira armado em tudos cantos da casa

Ø tem o tanque de concreto que os nêne toma banho nos dia quente com a água que a nona lavo a ropa, com o sabão de soda, claro

Ø tem umas vaca de leite que vão carniá qdo fica gorda

Ø tem os taro de leite tudo batido de caí de cima do toco da estrevaria

Ø tem o quadro dos bisa, quando eram novo, na parede da sala

Ø tem o espelhinho laranja no banheiro e o estrado de madeira pra tomá banho,onde que cai o sabão e você não consegue pegar

Ø tem aquelas flor de plástico que põe água com açucre pro beja flor i toma

Ø tem o loro falando com a nona e que reza o pai nosso intero, de cor e salteado

Ø tem, pão sovado, salame, chimia e sagu pra comer, sempre

Ø tem toalha de crochê enfeitando a mesa da cozinha

Ø tem uma vassoura de galho pra varrer o pátio, escorada numa árvore

Ø só não tem chave na porta da frente, pq na colonha se vive bem e não tem esses ladrão marginal q nem na cidade.