quinta-feira, 10 de março de 2016

Filosofia de um Pardal

filosofia de um pardal

BEBE MAIS QUE TREPA



A mulher acessa um chat, quando um nick meio estranho lhe pergunta: 

- Quer teclar?

- Você é homem ou mulher?

- Você quer ou não quer teclar?

- Depende!

- Você é homem ou mulher?

- Advinhe!

- Ok...

- Me diz aí, 5 marcas de cerveja...

- Brahma, Original, Skol, Antártica, Bohemia.

- Ótimo...

- Agora me diz 5 marcas de camisinha.

- Jontex, Prosex............

- Hummm...

- Tá difícil...

- É. Você é homem.

- Sou, sim.

- Mas... como você descobriu?

- Fácil!

- Bebe mais do que trepa...

quarta-feira, 9 de março de 2016

Como salvar uma mulher





Na beira do cais, no Rio de Janeiro, estava uma linda moça gritando que iria se suicidar, até que apareceu um marinheiro em um barco que gritou:

— Moça, não faça isso com sua vida!

— Eu vou me jogar, a minha vida não presta — disse a moça, desesperada.

— Não! Você é linda e ainda tem muita vida pela frente! — dizia o marinheiro, tentando convencê-la 

— Olha, o meu navio está de partida para a Europa. Por que você não vem comigo, e depois pensa no que faz?

— Ah, não sei... — disse ela, indecisa.

— Se você chegar lá e ainda quiser se matar, pelo menos você conheceu a Europa! Só tem uma coisa: você tem que ficar escondida porque o capitão não aceita clandestinos viajando, principalmente mulheres! Mas prometo te dar água e comida todos as noites.

— Ah, até que é uma boa ideia — disse ela mais animada. Ela então acompanhou o marinheiro até um bote salva-vidas onde viajaria clandestinamente.

E então prosseguiram viagem. O marinheiro levava comida e água todas as noites pra ela e, como não resistia à beleza da moça, passavam a noite juntos. Assim foi durante mais de um mês.

Até que um dia o Capitão foi fazer uma inspeção nos botes e se deparou com a linda mulher. Surpreso, ele perguntou:

— O que uma mulher como você faz por aqui?

E ela, sem outra saída, resolveu contar a verdade:

— Olha, eu estou aqui seguindo para a Europa porque um marinheiro me trouxe. Todas as noites ele me traz comida, água e, sabe como é, passamos a noite juntos. E vai ser assim até chegarmos à Europa. O senhor sabe se ainda falta muito?

— Olha moça, eu acho que ainda vai demorar um bocado — disse o Capitão — Esta é a barca que faz a travessia Rio-Niterói!

quarta-feira, 2 de março de 2016

CARTA À AMANTE DO MEU MARIDO


Autoria - Silvana Duboc

Cara sócia,

Há uns oito anos eu venho fingindo que não sei da sua existência. Claro, isso até agora foi bastante desagradável, mas ao mesmo tempo, muito conveniente pra mim.

Como você deve saber, meu marido sempre teve um excelente salário. Imagina, lógico que você sabe, afinal uma mulher bonita como você e com trinta anos só ficaria mesmo com um homem de cinquenta e sete anos desde os seus vinte e dois, por dinheiro.

Afinal, convenhamos, ele é careca, barrigudo, chato, lerdo e caso você não saiba, não toma banho todos os dias. Isso sem falar que ele ronca como um urso e sofre de bronquite asmática crônica, o que faz com que ele produza sons ensurdecedores, principalmente à noite.

É óbvio que quando nos casamos, tudo era bem diferente. Ele era esbelto, tinha uma cabeleira invejável, não roncava, a bronquite ainda não existia porque ele não fumava quatro maços de cigarros por dia. Peguei, portanto, o filé, você ficou com a muxiba.

Recentemente, encontrei uma carta sua no bolso do paletó dele, onde você dá um ultimato no infeliz. Ou eu ou ela! (a ela sou eu).

Bem que eu tenho notado que o pobre coitado tem estado nervoso, ansioso e desesperado. Imagina, se uma peça de museu como ele vai querer perder essa mamata de desfilar por aí com uma mulher como você?

Mas a boa notícia vem agora. Prepare-se, você vai se emocionar!

Eu resolvi facilitar as coisas para vocês. Hoje, pela manhã, pedi o divórcio.

Aliás, não sei se você já sabe, agora no final da tarde ele me ligou desesperado contando que foi demitido. Coitadinho, não é mesmo? Há, exatamente, oito anos ele era presidente daquela multinacional. E você sabia que ele foi demitido por justa causa? Menina nem te conto, aqui entre nós, meteu a mão no que não devia.

Bem, mas você deve estar se perguntando por que eu não estou tão desesperada quanto você está agora.

É o seguinte, querida: algumas coisas bastante interessantes têm acontecido na minha vida nessas últimas semanas.

Primeiro, ganhei na mega-sena, sozinha, quarenta milhões! Estava acumulada.

Claro que quem foi receber esse dinheiro foi minha irmã, pessoa da minha mais alta confiança, para que o seu barrigudinho não tenha direito a um centavo sequer, e ele, obviamente, ainda não sabe disso.

Mas não fique triste, nem tudo está perdido para vocês. Eu procurei me informar e descobri que você tem um empreguinho de secretária num escritório fajuto de advocacia, assim, poderá comprar o viagra de que ele tanto precisa.

Quanto a mim, cara sócia, já estou com um gatão de vinte oito anos que nunca viu um comprimido desses azuis, exatamente porque não precisa deles.

Ah...ouvi dizer que tem uma farmácia que está fazendo promoção, os remédios em geral estão bastante em conta, depois mando o endereço certinho pra você.

Cara sócia, quer dizer, ex-sócia, uma vez que não dividimos mais o mesmo...homem, desejo, de coração, que vocês sejam felizes e até dou minha mão à palmatória que o amor venceu, o seu. Afinal eu já não aguentava mais aquela praga vivendo ao meu lado, mas me acomodei por causa dos nossos filhos e, também, porque boa ou ruim tínhamos uma história de anos.

Caso você não saiba, eu tenho quarenta e oito anos e ainda dou um excelente caldo, haja vista que o meu gato tem vinte e oito e nem imagina que eu ganhei na mega-sena, portanto não está comigo por dinheiro.

Felicidades!

PS - Nunca esqueça de colocar gorro e meia no seu barrigudinho na hora de dormir. Ele cisma que assim tosse menos durante a noite. (Pura ilusão!)

terça-feira, 1 de março de 2016

Óbvios ululantes (2 de 2)



10) General do Exército.
Só existem generais no Exército.
Brigadeiro da Aeronáutica.
Só existem brigadeiros na Aeronáutica.
Almirante da Marinha.
Só existem almirantes na Marinha.

11) Manter o mesmo time.
Pode-se manter outro time? Nem o Mano Menezes consegue!

12) Labaredas de fogo.
De que mais as labaredas poderiam ser? De água?

13) Pequenos detalhes.
Se é detalhe, então já é pequeno. Existem grandes detalhes?

14) Erário público.
O dicionário ensina que erário é o tesouro público, por isso, erário só basta!

15) Despesas com gastos.
Despesas e gastos são sinônimos!

16) Encarar de frente.
Você conhece alguém que encara de costas ou de lado?

17) Monopólio exclusivo.
Ora, se é monopólio, já é total ou exclusivo…

18) Ganhar grátis.
Alguém ganha pagando?

19) Países do mundo.
E de onde mais podem ser os países?

20) Viúva do falecido.
Até prova em contrário, não pode haver viúva se não houver um falecido.